domingo, 28 de abril de 2013

Dia 41 - Roda de Danças Circulares

Semanalmente, eu participo de uma Roda de Danças Circulares. É o meu momento de puro prazer, aquele tempo que esqueço da vida e das responsabilidades. Tempo de alegria, de troca e de satisfação.

As Danças Circulares entraram na minha vida em 2012. Eu conhecia um pouco e tinha participado de algumas rodas no passado. Em 2012, estabeleci como meta dançar regularmente e consegui cumprir. Participei de um curso, com encontros mensais e também participava de todas as rodas abertas que surgiam por aqui. Foi muito bom! E neste ano, continuo na dança! É algo que faz parte e que sinto falta quando não vou.

O dia da dança é quinta-feira, neste último encontro, um amiga querida levou danças lindas para nós! Foi especial e emocionante!

É incrível como dançar em roda me faz bem! Harmoniza, acalma, centra, traz o foco e ao mesmo tempo eu percebe o outro. É um mergulho profundo! E a medida que vou rodando, as minha águas vão se mexendo, remexendo sentimentos, trazendo à tona coisas que estavam paradas ali no fundo e que precisam ser vistas e resolvidas em algum nível. Os pensamentos já não existem mais. Sinto como se só existisse a dança e o dançarino! É um processo lindo, suave e encantador de auto conhecimento!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Lidando com sentimentos de perda

Tenho lidado com sentimentos intensos e profundos, ultimamente. Uma sensação de perda enorme. De que está faltando uma pessoa muito importan...