quinta-feira, 26 de setembro de 2013

Dia 192 - Reconhecendo a riqueza da vida

De acordo com o dicionário, o termo suficiência é definido assim:  s.f. quantidade suficiente: tem suficiência de recursos.

Podemos ver também o significado de suficiente: adj. qualidade de suficiente. Tanto quanto necessário; bastante: quantia suficiente.

É sobre essa ideia de quantia suficiente que eu gostaria de falar. Obter, desfrutar e perceber que os bens pessoais são suficientes, me parece que causa satisfação e sentimento de plenitude.


Desde que comecei a aplicar o minimalismo na minha vida, sigo trabalhando no mesmo lugar, desempenhando as mesmas funções, recebo o mesmo salário, moro na mesma casa, ando no mesmo carro, uso as mesmas roupas, realizo as mesmas atividades, mantenho as mesmas relações; em tese nada mudou, não é? No entanto, consigo enxergar um pouco o que tudo isso representa para mim. E que é suficiente.

Fico pensando que pode ser uma mudança de percepção da própria vida e a ampliação da visão de mundo. É bom conhecer novas formas de se viver e se relacionar com o dinheiro e com as pessoas, não é?

Descobri que não concordo com o funcionamento da sociedade em que eu vivo. Não gosto da competitividade existente nas relações interpessoais e não gosto da preocupação excessiva em manter as aparências. Isso cria uma falsa sensação de insatisfação porque está centrado na falta de alto. E acho, só acho, que é válido centrar na abundância que já existe na própria vida.

Pensando, concluo que eu mudei!

eu mudei minimalismo
"Point Of View" by Carlos Porto via Free Digital Photos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Você tem fome de quê?

Tempos atrás eu fiz uma reflexão bem interesse sobre a possível causa do consumo por impulso e sem motivo. Da reflexão nasceu o texto   O ac...