quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Dia 227 - De repente há várias possibilidades dentro do meu guarda-roupa

Depois que eu passei quase 04 semanas sem lavar minhas roupas, por conta do defeito da máquina de lavar, eu descobri que há várias possibilidades dentro do meu guarda-roupa. Esta descoberta é interessante para mim. 

Atualmente eu tenho mantido poucas peças no armário. A algum tempo atrás a Marina do Um ano sem compras fez uma postagem falando do projeto 333, aquele em que a pessoa escolhe 33 itens do guarda-roupa para usar por 3 meses, ela me convidou para participar do projeto. O Projeto original é de Courtney Carver, http://theproject333.com/

Seguindo a ideia da Courtney e a sugestão da Marina, eu fiz um levantamento das minhas peças, para ver se eu participaria do projeto. Eu percebi que estou usando entre 30 a 40 peças, entre roupas, sapatos, bolsas e acessórios. Acho que são suficientes e a partir disso, optei por não participar do projeto.

Estou procurando usar a criatividade para seguir com este número de itens. Tem funcionado bem. Nestes dias sem lavar roupas, eu vi que eu estava usando sempre as mesmas peças, aquelas preferidas, que eu já sei que caem bem e que combinam entre si. E mesmo com este guarda-roupa reduzido, ainda assim existem peças que eu pouco uso. Porém, com a necessidade, ou seja, com as roupas preferidas sujas, eu precisei usar aquelas peças que estavam meio encostadas e foi legal.

Aqui no Sul, nós temos estações do ano definidas. Então, eu preciso de roupas pesadas para o inverno e roupas leves para o verão. Roupas meia-estação para outono, primavera e transição. Estas são as mais usadas, e aquelas que eu preciso em maior quantidade. Assim, eu venho administrando o guarda-roupa. Foi a solução que encontrei e está bem assim.

Tem acontecido outra coisa interessante também. Estou com blusas e cardigans com bolinhas, calças jeans meio gastas, sapato com o salto meio ruim, embora já tenha levado ao sapateiro diversas vezes. Com poucas peças, eu tenho usado mais, lavado mais e naturalmente elas estão se desgastando e pedido substituição. Está surgindo a necessidade. Estou gostando disso. Porque quando eu for adquirir será pela necessidade e não por vontade de consumir. Mais um ganho desde que iniciei a prática do minimalismo.
minimalismo moda
fonte da imagem

2 comentários:

  1. Também estou sentindo o mesmo Andreia, faz muito tempo mesmo que não compro roupa e a que tenho está muito gasta ou sem cor. Faz uns dias que venho pensando sobre o que realmente me faz falta e já tenho dado uma olhada por alto, mas só comprarei quando encontrar exatamente o que procuro!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, eu estou fazendo uma lista dos itens que preciso. São poucas coisas, talvez uma 5 ou 6 peças. Estou indo com calma. Parece que o dinheiro tem mais valor, saber? Preciso mas não estou disposta a gastar! :) Você me lembrou de algo importante, só comprar quando encontrar exatamente o que procuro. Obrigada, bjs

      Excluir

Você tem fome de quê?

Tempos atrás eu fiz uma reflexão bem interesse sobre a possível causa do consumo por impulso e sem motivo. Da reflexão nasceu o texto   O ac...