quarta-feira, 12 de março de 2014

Dia 353 a 358 - Trabalhando em outra cidade e descobrindo que também há espaço para diversão

Esta semana estou na região de Maringá a trabalho. Para mim é uma semana bem diferente da minha rotina. Rotina? Sim, eu gosto rotina, sabia?

Gosto de rotina porque sei de antemão o que vou fazer e assim me sinto confortável. O básico fica organizado e daí há espaço para me aventurar e experimentar algo novo.

Esses dias estou fazendo meu trabalho na área de educação e tem sido bem agradável e produtivo. Lembro que em outras ocasiões eu ficava stressada e atrapalhava a execução do trabalho. Desta vez, eu vim para cá focada e percebo a diferença no trabalho que estou produzindo. Eu fiz um planejamento, sabia quantos dias eu dispunha e o que eu preciso fazer. E assim estou executando. Funciona.

Todos os dias, quando termino o trabalho, procuro me integrar com os colegas de equipe. Os nossos horários de refeições tem sido agradáveis e divertidos, devido aos assuntos variados que surgem nas conversas. Estou descobrindo que também posso me divertir enquanto trabalho! Que posso dar boas risadas. E isso diminui o stress!

Preciso contar uma história que aconteceu na segunda-feira. Estou trabalhando em parceria com uma colega bacana, competente, elegante e que adorar fazer umas compras. Ela me convidou para ir numa loja de calçados e ajudá-la na escolha de alguns pares de sapato. Já que eu estava ali, eu experimentei alguns sapatos só por diversão. Quando ela foi ao caixa, pronto, meu sossego acabou. Foi um festival de comentários: nossa, você não vai levar nenhum par de sapato? As vendedoras insistiram, insistiram, ofereceram desconto e eu não levei o tal sapato que experimentei. Eu olhei para o sapato pensei assim: é bonito, de boa qualidade, tem preço bom, porém ele é na cor laranja e a chance de eu não usar é grande. Eu não queria comprar um sapato só por comprar. Então deixei ele lá! E fui embora feliz com meu auto controle! Eu me limitei a dizer que tenho outros planos, por isso não ia comprar o sapato. Há!

Avancei nesse quesito, hein?! Bem... estou na contagem regressiva para os 365 dias!

Crédito de imagem wallpapersus.com

Um comentário:

  1. Que lindo!!! Realmente fica mais dificil quando a gente poe o sapato e vê como ele ficaria tão bem em nós! ;) Mas no meu caso eu penso logo na arrumação, na limpeza, na organização e na utilidade. Sem dúvida você tomou uma decisão muito ponderada! =)

    ResponderExcluir

Lidando com sentimentos de perda

Tenho lidado com sentimentos intensos e profundos, ultimamente. Uma sensação de perda enorme. De que está faltando uma pessoa muito importan...