terça-feira, 29 de novembro de 2016

Resultados das últimas semanas de organização da casa

Há dias não escrevo sobre a organização que estou fazendo em casa. Sigo em ritmo suave. Devagar e sempre, um pouco a cada dia.

Sinto na pele as mudanças de planos e a necessidade de priorizar as atividades. Altero o previsto inicialmente, com tranquilidade, porque me cuidar e cuidar das pessoas que amo está em primeiro lugar!






Ando avaliando todas as peças de roupa que visto e todos os calçados. Quando a roupa não cai bem e não tem conserto, vai direto para doação. O mesmo acontece com os calçados. Mantenho uma sacola junto do meu armário. Nesse último mês, a sacola está sempre cheia.

Meu armário está em movimento, refletindo muito bem o meu momento e quem eu sou. Tenho a impressão que esse trabalho não tem fim. Manter o guarda-roupa enxuto e renovado, e procurar usá-lo de forma diferente e inovadora é um exercício constante.

Sinto que posso utilizar esse raciocínio para outras áreas; como quando organizo minha cozinha, as roupas de cama, o escritório, a garagem e o quintal. Para manter a casa em ordem é preciso trabalhar um pouco todos dias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Lidando com sentimentos de perda

Tenho lidado com sentimentos intensos e profundos, ultimamente. Uma sensação de perda enorme. De que está faltando uma pessoa muito importan...